Lampiônico 

Quando eu era crianças fui a um passeio pela escola ao Instituto Nina Rodrigues em Salvador visitar o museu. Lá estavam expostas fotos de Lampião o famoso cangaceiro do sertão. Lembro que a imagen que mais me impressionou foi esta: 

  
Depois de alguns segundos eu abstrai as cabeças e comecei a olhar os detalhes. As máquinas de costura estavam no topo e ao redor todos os chapéus e adereços muitos deles costurados pelo próprio Lampião. O estilo do cangaceiro me marcou pra sempre depois daquela visita. 

  
Assim como Lampião eu também gosto de costurar. É claro que ele tinha uma habilidade bem superior à minha mas, estou evoluindo. Nesse final de semana resolvi fazer uma mochila pequena pois já tenho uma grande, um média e agora uma pequena para carregar enquanto pedalo na fixa. Foi um protótipo mas gostei bastante da estética. Batizei de Mochila Lampião. Em homenagem ao rei do cangaço. 

Look do dia: cangaceiro urbano. 

   
  Na mochila usei couro sintético, lona, banner reciclado e câmara de ar. Ficou legal. 

 

As pessoas sempre me perguntam: Quem tira suas fotos? Várias pessoas. Uma delas é meu amigo jornalista e também fotógrafo Bruno Menezes. 

  

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s