Livre das coisas 

Estava refletindo sobre o trecho de um livro que ando lendo; “Quanto mais dependentes de coisas mais pobres somos”. De fato. Conheço tanta gente que tem tanta coisa mas só anda insatisfeita. Hoje apenas peguei minha camisa xadrez vicky e meu velho jeans (ambos de brechó) e saí. Foi tudo que precisei. Ademais a felicidade das coisas não são coisas. Final de semana sexy para todos. 

Fotos do querido Aluízio Figueiredo.   
    
 

Xadrez Madras

Graças a essa minha incursão no estudo do dress code masculino descobri há tempos que xadrez não é somente xadrez. Há vários tipos! Como outro dia resgatei a história do xadrez Vicky. Breve reunirei todos os xadrezes em um post somente. Ainda tenho que experimentar os outros! rs.

Hoje resolvi usar o Xadrez Madras que surgiu na cidade de Chennai na Índia, no século XIX. Depois foi levado a Europa pelos ingleses mas só fazia parte de peças secundárias como saias, lenços e acessórios. A sua principal característica é ser feito sobre o algodão e em cores vibrantes distribuídas em linhas horizontais e verticais de diferentes espessuras. Hoje o xadrez madras é o destaque em muitas coleções. Eu acho que é um tipo de xadrez lindo para  usar no verão mas em camisas de manga comprida prefiro em dias menos quentes.

Eu poderia ter usado com o jeans azul indigo mas preferi o cinza para dar mais destaque a esse xadrez.

Fotos: Bruno Lisboa 
  

Agora que já sabem o que é o xadrez madras vejam alguns exemplos e identifiquem se há algo assim no seu closet.

Xadrez

Dizem que o xadrez surgiu como estampa na Europa em 700 A.C. era feito de lã e tingido com tintas naturais. Mais tarde os escoceses adotaram o xadrez nos kilts. Cada cor identifica um clã. Assim o xadrez se popularizou pela Europa até chegar aos trópicos. Embora tenha séculos de história o xadrez ainda é um desafio para mim. Como usar minha única peça dessa estampa? Hoje foi mais uma tentativa, mas acho que ainda não acertei. De qualquer forma já sei que o xadrez se destaca na produção, então é preciso maneirar nas outras partes. As fotos que encontrei na rede mostra exemplos de looks com o xadrez. E assim vim com J.J, minha bicicleta dobrável para o Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais. E assim começou mais uma semana de Copa com um feriado no meio. 

Minha tentativa de usar o xadrez hoje.

20140616-104246-38566950.jpg

Gostei destes looks:

20140616-104336-38616115.jpg

20140616-104336-38616423.jpg

20140616-104335-38615979.jpg.

A boa do dia: duas bicicletas já “ocupam” o Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais.

20140616-172848-62928789.jpg